Barcelona, te quiero!

Barcelona está entre os destinos de experiência mais citados pelas agências especializadas. Não é à toa. A cidade é colorida, vibrante e tentadora.

Talvez sejam as raízes catalãs que deem a ela um ar provocativo, apimentado. Como quem não leva desaforo pra casa. Talvez seja o calor da vida noturna e das festas à lá vida loca. De outro lado, contudo, está Gaudí e o mar. Contraponto perfeito para deixá-la leve, poética.

A cidade recebe gente do mundo todo. Quem chega parece se adaptar rapidamente à cultura local, feita de gente bonita, de temperamento acalorado, pele bronzeada e com muito a dizer sobre a independência da Cataluñya.

Nas duas oportunidades que tive de conhecer a cidade me encantei pelo estilo de vida das pessoas. O trânsito é um pouco caótico, mas muitos vão de bicicleta para o trabalho (sem abrir mão do estilo europeu) e saboreiam tapas em restaurantes com mesas na calçada, com direito às crianças e labradores mesmo em horários que por aqui minha filha já estaria dormindo.

Listo abaixo então alguns programas básicos da cidade. Estes vocês verão em qualquer guia de turismo, mas não dá  para deixar de fora, são os must to. Por fim listo algumas alternativas para criar experiências únicas por lá. É claro que há muito mais para ver. A cidade é múltipla, dinâmica, com opções para os mais diversos gostos.

Espero que gostem! Hasta luego ou Fins ara, como se diz em catalão!

Para sentir . La Sagrada Familia

Totalmente encantadora e fascinante. Sugiro ir depois de conhecer um pouco mais sobre a história e o trabalho de Gaudí (você perceberá que não faltarão oportunidades) e passar algumas horas descobrindo cada pequeno detalhe. Com o passar das horas o efeito das luzes sobre os vitrais produzirá diferentes sensações e sentimentos. Vale também subir até as torres mais altas. A escada em formato caracol vai estreitando no final mas a vista de Barcelona faz valer a pena. Aqui tem todas as informações sobre horários e valores.

Para descobrir . Casa Milá (La Pedrera) e Casa Batlló

Dá um friozinho na barriga quando a gente se depara com as máscaras e o dragão de Gaudí caminhando pelo Paseo de Gracia. O lugar é a cara de Barcelona. Por fora vibrante, cheio de restaurantes, cafés, lojas, famílias e gente bonita caminhando sem pressa. Por dentro, uma verdadeira aula sobre Gaudí, que se pode provar na prática em cada canto arredondado dos prédios. Eu não entendo sobre arquitetura, mas sentir a atmosfera destes lugares me pareceu bastante poético. A sensação é de serenidade, paz. Para saber mais dá uma olhada aqui e aqui.

Para caminhar . La Rambla

Para descobrir uma cidade de verdade nada melhor do que uma boa caminhada. E para descobrir Barcelona como se deve, nada melhor do que La Rambla. Ela vai mudando de nome ao longo do caminho mas não há como se perder. Comece pela Plaça Catalunya, passe pelo monumento a Colombo e termine passeando pelo Porto. Pelo caminho perceba a energia da cidade, dos artistas de rua, lojas e flores. Se tiver tempo, passe por ela de dia e de noite, pois a atmosfera é bem diferente. Aproveite que você está por perto e conheça os mercados da cidade.

Para provar . Mercado de La Boqueria e de Santa Caterina

Você comerá muuuuito Jamon por aqui, mas não o desmereça. Você sentirá falta dele ainda no avião. A Espanha é um dos lugares mais deliciosos do mundo, e os mercados são uma experiência imperdível. Eu voltei para casa com temperos e algumas garrafinhas de azeite de oliva trufado. Já que não dá para levar tudo, aproveite sua passagem pelos mercados para experimentar frutas, temperos, queijos, embutidos e frutos do mar. As tapas e o bacalhau, acompanhado dos vinhos locais, são divinos e com excelentes preços nestes lugares. O Mercado da Boqueria é o passeio mais tradicional para os turistas, mas se tiver tempo passe também no de Santa Caterina, que é onde compram os locais.

Para se perder . Parque Güell

No dia em que fomos estava bastante lotado, mas ainda assim é um ponto de parada obrigatório. É um lugar para caminhar e contemplar a genialidade da arquitetura vibrante de Gaudí. Leve uns sanduíches de jamón e aproveite para dar uma caminhada e fazer um picnic. É de lá que você terá uma linda vista da cidade e verá pessoalmente a fonte da Salamandra, um dos símbolos de Barcelona. Aqui tem todas as informações sobre horários e valores.

Para aquietar . Catedral de Barcelona

Visitar igrejas e catedrais faz parte da trajetória de quem quer conhecer a história de uma cidade. Esta catedral em estilo gótico, por exemplo, foi construída no século XIII, sobre outra catedral romana, que for sua vez foi construída sobre outra catedral. Se a fachada é deslumbrante (difícil fazer cabê-la numa única foto), por dentro ela é ainda mais grandiosa. A entrada é gratuita, veja aqui horários para visitar. Se tiver tempo veja também a Basílicade Santa Maria del Mar.

Para fantasiar . Montjuïc

Carlos Ruiz Zafón é um escritor espanhol, com romances cheios de suspense e que se passam em Barcelona. Antes de viajar eu havia lido dois deles e cada canto da cidade parecia ter um ar de mistério, especialmente Montjuïc. Talvez por isso esta foi minha parte preferida da cidade (ler um romance que se passa na cidade é inclusive uma dica bacana para criar uma experiência pessoal, que transcende o turismo).

O lugar rende um passeio completo, que pode durar um dia inteiro, igualmente lindo de dia e à noite. Aqui você encontra o roteiro todo. Para mim o mais bacana foi o teleférico, o complexo construído para os Jogos Olímpicos (hoje disponível para uso da cidade), o Palau Nacional, hoje sede do Museu Nacional d’Art de Catalunya. De lá é a vista é espetacular, com aFont Màgica, Plaça Espanya Plaza de Toros.

Na última viagem a experiência mais que inesperada e especial foi jantar dentro do Museu Nacional d’Art de Catalunya, num espaço exclusivo e com a vista mais espetacular da cidade.


E falando em Experiência…

Para os apaixonados pelo futebol o lugar é um paraíso. As experiências envolvendo o Camp Nou e o Barcelona são muito profissionais e podem ir desde um tour ao estádio e museu até ações mais elaboradas. Algumas alternativas são: transfer do hotel até o estádio no ônibus oficial do time, dia de jogador com tudo que tem direito (uniformes, equipe médica, preparador físico, etc), uma partida no campo de treino ou simplesmente bater pênaltis com um goleiro profissional. Há ainda a possibilidade de assistir a uma partida em área vip (é possível montar um sistema de jantar bastante sofisticado e de frente para o campo), até realizar a experiência de contato com os ídolos do time (para os orçamentos mais avantajados). De acordo com a quantidade de pessoas é possível também acompanhar o time em uma de suas viagens oficiais, acompanhando os jogadores durante a viagem, sua preparação e é claro, assistir aos jogos. Experiência totalmente inesquecível para os fãs.

Uma forma tradicional e rápida de se conhecer a cidade são os ônibus de turismo panorâmicos. Eles tem um itinerário bem completo e acabam sendo muito práticos para conhecer a cidade como um todo em um ou dois dias. Em cada uma das paradas os turistas podem descer e ficar o tempo que quiserem, pegando o próximo ônibus seguindo aos pontos de interesse.

Existem ainda tours andando, de bicicleta, segway, de barco e no caso de Barcelona, os Go Cars. Uma experiência super divertida onde o turista é quem dirige estes mini carros e se desloca descobrindo pessoalmente e a seu ritmo a cidade. É para se aventurar e fazer histórias para contar.

Para experiências mais sofisticadas, é possível locar um dos palácios ou museus da cidade para um jantar exclusivo. Até mesmo patrimônios da Unesco como a Casa Batlló ou a Casa Casa Milá são possibilidades (considere maiores orçamentos). É possível recriar os tempos de Gaudí, tematizar como um baile de gala, de máscaras ou até mesmo na linha do mistério de Montjuïc. O que vale é a exclusividade do momento. Considere um transfer diferenciado, conforme tema do evento, para esta noite.

Teria muito mais para se falar sobre Barcelona. Não cheguei a mencionar as experiências de compraspraia (passeios de yacht ou catamarã, locações exclusivas para churrascos à beira mar), tour de helicóptero, passeios e jantares no Bairro Gótico ou mesmo a intensa vida noturna da cidade, com opções para todos os gostos e experiências vips para os convidados. A cidade é mesmo uma festa, com várias opções de voos e a 10 horas de distância 😉

Se não estiver indo em grandes grupos considere se hospedar no Airbnb ou no Granados 83, hotel super charmoso, bem localizado e com preço justo.