Stopover Parte III — Inspiração Nova York com os pequenos

Continuando a odisseia, voo stopover parte III, aqui estão ideias para curtir com os pequenos Nova York com direito a algumas dicas de passeios e hospedagem.

Dá uma olhada aqui para saber como aproveitar as barbadas, comprar passagens por um preço bacana e aqui sobre viajar com as crianças sem stress. Se quiser também ideias para os outros trechos da viagem dá uma olhadinha em ParisAmsterdam Orlando.


Nova York

Na big apple nossa escolha de hotel foi polêmica. Depois de muito pesquisar, optamos pelo Hotel Pennsylvania, para desespero da Josie, nossa super corretora de viagens. É um hotel antigo, com um milhão de pessoas passando, mas super bem localizado. Se a ideia é ficar na muvuca e fazer tudo apé gastando pouco, este pode ser o lugar.

Ele fica de frente ao Madison Square Garden e da Penn Station (de onde você pode ir para qualquer lugar). Além disso, está a duas quadras do Empire State Building e algumas mais da Times Square. Do hotel fomos e voltamos andando até o Central ParkEntão praticamente tudo que é super turístico dá para fazer dali. Além disso o preço é bom, e como NY é um dos lugares mais caros do mundo para se hospedar, faz pensar…

Pelos reviews do TripAdvisor vimos que havia um tipo de quarto chamado Pen5000 que era mais novo e que com ele, não haveria problemas. Pagamos um pouco mais pelo quarto, mas realmente não foi suficiente. O quarto é muito antigo e difícil de ficar dentro. Logo que entramos demos de cara com mais uma hóspede indesejada: uma barata enorme. Depois de pular na cama e fechar as malas, ligamos pedindo para trocar de quarto, mas a recepcionista (nada simpática) disse que não iria adiantar porque tem barata em todos os quartos. Aff… ?. Não desistimos, descemos na outra manhã de malas fechadas e pedimos outro quarto. No final do dia, quando voltamos do passeio, o hotel estava lotado, e na falta de outro quarto disponível ganhamos uma mega suíte!! Era enorme, com sala de TV, quarto gigante, cozinha (medo, nem entramos) e tudo mais. Continuava velho, mas pelo menos não vimos baratas. Parece que insistência e pedir com jeitinho funcionam ?.

A cidade tem milhares de coisas para fazer, e muitas coisas legais para os pequenos. Como também não era nossa primeira passagem, pulamos vários passeios tradicionais e cheios de filas (como Empire State e Rockefeller Center) e fomos aos lugares que gostaríamos de mostrar pra Nick.

De tradicional, a Loja da M&M na Times (Meu Deus quanta gente neste lugar!), 5º Avenida, jantar no Red Lobster e Carmines, passeio de barco até a Estátua da Liberdade (Nick amou, emoção demais ao ver a dita), Museu de História Natural e ponte do Brooklin.

Perdemos a conta da quantidade de carrosséis da viagem, mas este foi o mais diferente sem dúvida. O SeaGlass Carousel fica próximo da Staten Island Ferry. A sensação é de se estar realmente dentro de um aquário, dá até um soninho.

Alguns passeios que ainda não havíamos feito e recomendo foram: Dumbo Boulders, Jane’s Carousel e Brooklyn Ice Cream Factory (passeio fantástico, bem família, delícia), The High Line e Chelsea Market (jantamos no italiano Giovanni Rana, demais!).

Central Park merece uma menção à parte. Desta vez tiramos um dia todo para fazer o passeio com calma, de ponta a ponta, parando e curtindo os lugares legais. A Nick foi em todos os parquinhos e carrosséis possíveis. Este é um lugar realmente especial, vale curtir com tempo, livro e picnic.

Fomos pela primeira vez no Zoo do parqueesperava um pouco mais, acho que vale realmente só se o tempo estiver sobrando. Nas redondezas do parque, próximo ao Museu de História Natural, está a Uno Pizzaria (vá, é divino!).
Se você gostou da ideia, aproveita a mesma viagem e faz uma paradinha em Orlando 😉